Curta e Compartilhe!

Motivacional

Como parar de buscar aprovação e validação para viver sua vida com suas regras?

Publicado

on

Como parar de buscar aprovação e validação para viver sua vida com suas regras?

Buscar a aprovação e validação de outras pessoas é uma característica humana comum. Em um nível profundo, todos nós desejamos que nossos sentimentos, crenças e idéias sejam valorizadas e aceitas por aqueles ao nosso redor.

Estamos programados para nos conectar, e parte da dança da conexão é a ideia de que “Você me vê, eu te vejo e eu te aceito, você me aceita”. Esse tipo de conexão cria segurança, confiança e, em última análise, amor.

Veja como aprender mais sobre:

Todos nós precisamos ser amados, todos querem ser aceitos.

Mas o que acontece quando a necessidade de aprovação de outras pessoas anula nossa capacidade de nos sentirmos livres para viver a vida em nossos termos?

O que acontece quando nossa necessidade de sermos vistos, ouvidos ou validados se torna mais importante do que sermos verdadeiros com quem somos?

Freqüentemente, quando buscamos aprovação, o fazemos às custas de nós mesmos. Podemos ficar tão obcecados em ser aceitos que esquecemos o que é mais importante.

Nossa própria felicidade.

Em vez de buscar aprovação externa, precisamos aprender a nos aceitar. Confiar em quem somos é o suficiente. Precisamos cultivar uma autoestima saudável e amar a nós mesmos incondicionalmente.

Nossa autoestima e nossa capacidade de auto-validação afetarão diretamente nossa capacidade de sermos livres para tomar decisões e confiar em nossas próprias habilidades, independentemente de recebermos a aprovação das pessoas ao nosso redor.

Este é o começo de ser capaz de abraçar a liberdade e viver a vida em seus próprios termos

Viver a vida em seus próprios termos significa viver a vida de uma forma que seja significativa para você. Significa fazer mais das coisas que você ama, passar tempo com pessoas que fazem você se sentir bem e, geralmente, melhorar sua experiência. Também significa separar-se daquelas coisas que não trazem alegria, amor ou felicidade.

A melhor parte? Não há etapas para isso. Não existe um curso online ou programa de 4 etapas para se livrar dessa crença limitadora de que você precisa ser aceito para ser feliz.

Você simplesmente precisa decidir

Sim, para começar a viver a vida em seus próprios termos, tudo que você precisa fazer é decidir que suas necessidades, sua felicidade, sua alegria são mais importantes do que ser aceito pelos outros.

Pode parecer assustador no começo abraçar essa forma de pensar, mas, honestamente, ficar com a alternativa é um desperdício de sua vida.

Você nunca será aceito por todos. E aqueles que o aceitam provavelmente ainda terão algum tipo de julgamento contra você. Mesmo que eles te amem!

Isso não significa ser cínico. Mas estou tentando deixar claro que não importa o que você faça. As pessoas terão suas próprias opiniões sobre você.

Desperdiçar seu tempo tentando afetar essas opiniões não tem sentido.

Seja feliz. Viva sua vida. Fale alto. Fique quieto. Ficar louco. Sê real. Faça o que quiser.

Você merece ser visto e amado por você mesmo. Para que você possa ser livre.

Comentar

Comente a notícia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conhecimento

Descubra como reconhecer a dependência emocional nas relações

Para ajudar você, ou outra pessoa que esteja passando por isso, citaremos tudo sobre como reconhecer a dependência emocional nas relações, e o que fazer para evitar isso.

Publicado

on

Descubra como reconhecer a dependência emocional nas relações

Mentes Blindadas no Google News
Mentes Blindadas no Facebook News

Muitas vezes de forma involuntária, a dependência emocional nas relações é algo que ocorre bastante e você pode estar passando por isso.

Dessa forma, é muito comum a seguinte frase: “o que eu vou fazer sem determinada pessoa”? uma vez que sua rotina e você se adaptou a ela.

Ou seja, como o próprio nome já disse, você se torna dependente emocionalmente daquela pessoa, devido à relação que vocês possuem.

No entanto, além da famosa frase, existem algumas outras coisas que podem mostrar a dependência emocional em todas as relações.

E, devido nem sempre temos aquela pessoa no cotidiano, acaba sendo algo que faz mal, onde você precisa reconhecer isso e buscar ajuda.

Portanto, para ajudar você, ou outra pessoa que esteja passando por isso, citaremos tudo sobre como reconhecer a dependência emocional nas relações, e o que fazer para evitar isso.

Como reconhecer a dependência emocional nas relações?

Antes de qualquer coisa, você precisa saber que a dependência emocional não se resume apenas a relações amorosas.

Nesse sentido, diferente do que muitos pensam, você pode ter esse problema de dependência em diversos tipos de casos e relações.

Sendo assim, confira como reconhecer essa dependência totalmente emocional, nas principais relações:

Relacionamentos amorosos

Por mais que ele não seja o único, os relacionamentos amorosos ainda são os principais causadores da dependência emocional.

Dessa forma, você pode perceber essa dependência, quando no relacionamento já não existe mais aquele prazer, ocorrendo:

  • Brigas
  • Xingamentos
  • Discordâncias
  • E dentre outras coisas

No entanto, mesmo com tudo isso, você não consegue largar o relacionamento, com medo principalmente de ficar sozinho.

Ou seja, basicamente, a pessoa se tornou sua rotina, e mesmo com todos os problemas você não consegue acabar com o ciclo amoroso.

Isso também é um dos principais geradores de alcoolismo e depressão, sendo às vezes necessário até mesmo a procura de uma clínica de reabilitação para alcoólatras.

Relações entre parentes

Depois das relações de dependência emocional com parentes, uma outra relação que pode envolver bastante a parte emocional, é entre parentes.

Nesse sentido, isso acontece muito principalmente entre pais e filhos, onde alguns não conseguem aceitar que o filho tenha a sua individualidade.

Desse modo, pode acontecer de ocorrer aquela relação sufocante, onde muitos pais chegam a usar chantagem emocional, para impedir que os seus filhos sigam a vida.

Além disso, você também vai ver que isso ocorre com os filhos, onde muitos, devido a relação parental, não conseguem seguir o próprio rumo.

Sendo assim, mesmo que seja necessário seguir a sua própria vida, ocorre aquele medo de não conseguir viver separados dos pais e dentre outras coisas.

Portanto, se você faz esse tipo de coisa, ou sofre com alguma delas, certamente estamos falando de uma grande dependência emocional.

Amizade

Por fim, mas também uma das dependências emocionais bem presentes, são as amizades.

Atualmente, você pode notar que muito é usado o termo de amizade tóxica, que basicamente são pessoas que podem acabar tirando o seu bem-estar.

Dessa forma, você pode reconhecer a dependência emocional, principalmente em casos de ciúmes extremos, a ponto de o seu amigo (a), não permitir que você tenha outras pessoas em seu ciclo.

No entanto, devido a amizade, principalmente se for de muito tempo, acaba ocorrendo aquele medo de uma conversa.

Ou, até mesmo chegar a terminar o ciclo de amizade com aquela pessoa.

Então, acaba preferindo se magoar, do que tomar uma ação, principalmente com medo de não conseguir adquirir outras amizades.

O que fazer para evitar a dependência emocional?

Infelizmente, essa dependência é algo que de toda forma acaba seguindo grande parte das pessoas.

Dessa forma, acaba sendo algo comum, muitas vezes inevitável, principalmente quando o contato é a muito tempo.

Logo, para essa dependência, o que você pode procurar a ajuda de uma pessoa próxima e confiável, para trazer outro ponto de vista.

Até porque, muitas das vezes, você pode achar que é coisa da sua cabeça, e assim acabar seguindo devido a dependência emocional.

No entanto, muitas das vezes apenas isso pode não ser o suficiente para tratar esse problema, sendo essencial um acompanhamento psicológico.

Além disso, você precisa saber que a dependência causada por emoções pode trazer outros problemas, como alcoolismo, depressão, ansiedade, entre outros.

Assim, caso também for necessário, o ideal é buscar uma clínica de recuperação para dependentes químicos.

Portanto, não leve esse problema como algo normal, uma vez que isso pode acabar com o seu psicológico, tornando sua vida um verdadeiro caos.

O ideal é que você procure sempre algo que lhe deixe saudável, e que vai lhe trazer felicidade.

Considerações finais

Se você queria saber como reconhecer a dependência emocional, certamente esse artigo abriu muito a sua mente.

Então, se você tem casos próximos, ou até mesmo si próprio esteja passando por essa situação, procure ajuda imediatamente.


Mentes Blindadas no Google News
Mentes Blindadas no Facebook News
Continuar lendo

TECNOLOGIA

CONHECIMENTO

NOTÍCIAS POPULARES