Curta e Compartilhe!

Cidades

Tecnologia na mobilidade urbana: entenda a importância

Publicado

on

Hoje em dia, existem muitos exemplos de tecnologia aplicada na mobilidade urbana. Um exemplo fácil de entender sobre isso é o Original Software, que é um serviço de rádio táxi que conecta clientes e taxistas em tempo recorde, sempre visando o conforto e a qualidade do atendimento. Existem muitos outros exemplos disso, desde o uso de Inteligência Artificial comandando automóveis até a análise de dados para a determinação do tempo mais eficaz para os semáforos em cada rua.

No futuro próximo, veremos mais e mais usos de tecnologia na mobilidade urbana, como o uso da Internet das Coisas instalada em semáforos e carros. Além disso, ainda veremos mais opções de transporte público e maneiras de garantir que as pessoas chegarão aos seus destinos mais rapidamente.

No entanto, para muitos, o investimento em tecnologia na mobilidade urbana é desnecessário. É importante aprender, no entanto, quais são os grandes benefícios de investimento em opções tecnológicas para garantir que eles continuarão a ser realizados, tanto em termos de políticas públicas, quanto em relação à ação de empresas privadas desse segmento. Quer saber quais são as vantagens? Então siga a leitura do artigo abaixo!

5 benefícios da tecnologia na mobilidade urbana

1. Atualizações em tempo real

Se utilizando de análise de dados, é possível prever quais são os horários de pico no trânsito e quais os horários de maior fluxo de pessoas no local desejado. Dessa forma, é possível evitar aglomerações, ou evitar ficar parado por horas em um engarrafamento. Por outro lado, pelo ponto de vista dos serviços de táxi, é possível planejar em qual ponto e qual período do dia se encontra o maior número de possíveis clientes e evitar dias sem faturamento.

2. Cálculo de rota e previsão de destino

Com a combinação do sistema de GPS e o sistema do rádio táxi, a mobilidade no trânsito ficou mais segura tanto para quem é passageiro quanto para quem é motorista. Angariar todas as informações antes da corrida garante rapidez no atendimento e confiança na rota a ser seguida. Para o taxista, é possível prever o valor da corrida e escolher as corridas que geram mais faturamento, ou que estejam já dentro de sua rota.

3. Uso de dados para determinar as rotas de transporte público

O uso de dados de usuários de smartphone e do fluxo de transportes públicos revolucionou a estratégia urbana de distribuição de frotas e linhas de ônibus e metrôs. Analisando essas informações é possível entender quais horários são necessárias mais unidades de ônibus e em quais rotas, para evitar a superlotação e diminuir o tráfego de carros particulares em horários de pico.

4. Vias de comunicação direta com a administração pública pela internet

As maiores cidades contam com canais em redes sociais e whatsapp para comunicação direta com seus cidadãos. Por esses canais é possível denunciar ruas sem asfalto, com buracos, risco de acidente ou com alta taxa de criminalidade. Essa nova abordagem da administração pública agiliza o auxílio e traz visibilidade para áreas periféricas das cidades que antes não eram alcançadas.

5. Uso da Internet das Coisas para calcular o fluxo de trânsito

A previsão é que, com o 5G, semáforos, placas e controle de velocidade estarão ligados a uma central de coleta de dados, que irá administrá-los de acordo com as necessidades de cada região, personalizando até de acordo com a sazonalidade: em épocas de festas, ter um controle mais rigoroso da velocidade e ter semáforos funcionando até a madrugada; em dias comuns, desativar semáforos em altas horas para prevenir assaltos, por exemplo.

Deu para ver que a tecnologia na mobilidade urbana é importante, não é mesmo? Com ela, será mais fácil reverter o cenário em que os brasileiros gastam 32 dias por ano no trânsito, como é hoje. Além disso, será possível também reverter o número de acidentes no país, que vitimam 5 pessoas por hora no nosso país. Assim, conseguiremos ter uma vida mais confortável no geral.

Gostou do conteúdo? Então comente abaixo com a sua opinião!

Comentar

Comente a notícia

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

noticias