Empreender em tempos de pandemia é uma tarefa bem desafiadora, ainda mais se tratando consertos e reparos.

Saber qual a demanda das pessoas, usando poucos recursos que você possui, são opções para quem quer montar seu próprio negócio.

Além disso, aproveitando o período de isolamento social, os cursos rápidos se tornaram opções bem interessantes para quem deseja aprender ou aprimorar suas habilidades sem precisar sair de casa.

Conheça abaixo quais os negócios que envolvem consertos e reparos, mais buscados por empreendedores durante este período.

Reparo de eletrônicos e eletrodomésticos

Quando se está muitos dias em casa, os problemas com eletrônicos e eletrodomésticos começam a aparecer.

É uma batedeira que parou de funcionar, um celular que precisa de um reparo na tela para assistir as videoaulas e lives, entre outros consertos.

Sendo assim, a procura por um profissional qualificado esteve bem em alta nesta quarentena, e quem já possui um negócio próprio, essa é a hora para divulgar suas especializações.

Além de fazer o melhor preço, as pessoas estão buscando os estabelecimentos mais próximos, pois alguns meios de locomoção ainda estão limitados.

Dessa forma, as empresas de eletrônicos pensando no bem estar dos usuários, mantiveram as garantias estendidas neste tempo de pandemia.

Essa é mais um motivo para turbinar seu negócio, de reparos e manutenção de eletrônicos e eletrodomésticos.

Sapataria e costura

Com o baixo consumo de roupas e sapatos, os consertos se tornaram uma opção consciente para quem não quer gastar.

Mesmo com muitas ideias e tutoriais na internet, consertar algo é mais fácil do que você pensa, pois existem diversos materiais acessíveis que você já possui em casa.

Mas ainda têm muito público para quem trabalha com restauração e consertos de sapatos e roupas, sendo que a procura por um sapateiro ainda é comum para aqueles produtos que tiveram um maior investimento.

Já na parte de vestuário, estar na moda pode demandar alguns ajustes, principalmente nas peças dos anos 2000 que estão em alta, e precisam de uma repaginada.

Um olhar de uma costureira pode garantir ótimos resultados, já que essas profissionais foram muito requisitadas no que diz respeito à produção de máscaras. 

Serviços hidráulicos e elétricos

Com um tempo mais friozinho em algumas regiões do Brasil, os serviços hidráulicos e elétricos tiveram uma maior procura.

Dessa forma, alguns serviços não podem esperar, como um cano quebrado, uma torneira elétrica que não aquece ou um chuveiro queimado.

Os profissionais do ramo, tiveram uma maior demanda, sendo que alguns tipos de trabalhos requerem pessoas especializadas com ferramentas e técnicas de instalação e conserto.

Por isso, o profissional encanador ou eletricista tem sua utilidade, mesmo que as grandes empresas ainda estão com horários reduzidos, sendo essa uma oportunidade para quem quer empreender.

Oficina de bicicletas

Os donos de oficinas e pequenos negócios tiveram seus dias mais positivos em meio a crise econômica com a disseminação do coronavírus.

Com as regras de circulação, andar de bike se tornou um meio para ir ao trabalho, ao mercado ou em outro local importante.

Consequentemente, a busca por consertos de bicicletas, foi ainda maior, justificando um aumento de tráfego e prática de atividade física.

O interessante desse tipo de negócio é a rapidez no atendimento, onde o usuário chega na loja e logo sai com sua consertada.

Para quem já possui a habilidade de consertar bicicletas, essa é a hora para divulgar seus serviços e empreender no ramo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.