Escândalo: Deputado argentino faz intimidades em sessão virtual da câmara

Em uma live (sessão virtual ao vivo) o deputado argentino Juan Emilio Ameri, de 47 anos, foi flagrado trocando carícias com uma mulher diante da câmera do computador em plena sessão virtual do Congresso da Argentina nesta quinta-feira,24. Juan Emilio de 47 anos foi suspenso imediatamente por 180 dias.

O Escândalo da sessão virtual

Durante sessão que tratava sobre pagamento de pensões a aposentados, uma mulher se sentou no colo de Ameri e os dois começaram a trocar carícias. Em um dado momento, o parlamentar beija as partes do corpo da companheira, a mulher não foi identificada.

Em entrevista a emissora Todo Noticias o deputado disse que acreditava que o wifi estivesse desligado e justificou que o sinal em sua casa tem instabilidade e a internet costuma perder o sinal constantemente.

Juan Emilio Ameri ainda afirmou que ele e a namorada estão chorando muito pelo ocorrido. O presidente da Câmara Baixa da Argentina, Sergio Massa, disse que vai escutar as explicações do deputado. “Mas não podemos admitir que ocorram esse tipo de situação”, disse.

Renúncia do deputado argentino

Apos esses acontecimentos, o deputado chegou a dizer que não renunciaria, no entanto presidente da Câmara Baixa da Argentina, Sergio Massa enviou um recado que dizia “Ou renuncie antes 12 horas da noite ou vamos expulsar você amanhã”.

Enquanto alguns deputados já fazia campanha para um substituto de Juan Emilio Ameri, o deputado enviava sua carta de renúncia do cargo, na carta assegurou que não foi sua intenção desrespeitar e pediu desculpas.

Escândalo: Deputado argentino faz intimidades em sessão virtual da câmara carta de renuncia juan emilio

Ainda em sua carta de renúncia, Juan disse, “consciente da responsabilidade que representa o meu cargo, coloco à disposição a minha renúncia ao mandato de deputado nacional, e continuarei trabalhando pela minha querida província de Salta e para que a Argentina se levante”, finalizou.